Land Lousã


SUBIDA DO ESPINHAÇO DE CÃO – SERRA DA ESTRELA by Parola Gonçalves
04/03/2007, 18:11
Filed under: NOTICIAS

“As acumulações morénicas são escassas ao longo do vale, mas encontram-se moreias laterais, como a moreia do Espinhaço de Cão, na margem esquerda do vale do Zêzere, um pouco abaixo do vale da Candeeira. O espinhaço de Cão é uma crista onde houve acumulação de blocos bastante heterométricos, e que corresponde a uma fase de recessão do glaciar. O vale da ribeira da Candeeira apresenta sucessões de verrou e ombilics que, aquando da confluência com o vale do Zêzere, se transforma em cascata, confirmando o seu carácter de vale suspenso. As duas línguas ao juntarem-se, originaram uma moreia central.”

Lá vamos outra vez, subir o Espinhaço de Cão, até ao Vale da Candeeira, um deslumbrante e quase desconhecido planalto, que forma um circo glaciar, com uma língua glaciar, que abastece e alimenta o Vale Glaciárico do Zêzere.

A paisagem deslunbrante do lugar e a sua enorme beleza, bem merecem a árdua subida pela vertente íngreme do Vale do Zêzere. As águas límpidas da Ribeira da Candeeira, convidam a um banho retemperador.

A descida será feita pelo lado poente do Vale, obrigando o pessoal a maior atenção aos degraus e piso escorregadio, mas a permitir apreciar recantes de rara beleza.

O programa será o seguinte.

Dia 31 de Março –

7.30 Horas – Saída do Campo de Rugby da Lousã;

9.00 Horas – Início da subida do Espinhaço de Cão;

11.00 Horas – Chegada ao Vale da Candeeira

12.00 Horas – Almoço

14.00 Horas – Descida pela saída poente do Vale.

16.00 Horas – Acampamento no Covão da Ponte

Dia 1 de Abril

12.30 Horas – Almoço em Figueiró da Serra, na Quinta do  Adamastor

14.30 Horas – Regresso.

Anúncios
Comentários Desativados em SUBIDA DO ESPINHAÇO DE CÃO – SERRA DA ESTRELA





Os comentários estão fechados.