Land Lousã


MAPAS DE MARROCOS – SUGESTÕES by Parola Gonçalves
06/08/2009, 16:50
Filed under: MARROCOS

Boas.

A oferta de Mapas de Marrocos é vasta e muito variada, pelo que se torna difícil a escolha adequada de um Mapa em papel.

Pessoalmente, aconselho os Expedicionários ou Viajantes a ter em atenção o seguinte:

  • Ter uma Mapa recente, de fácil leitura e de escala adequada;
  • Ter uma Mapa Water Prooft, porque suporta mau tempo e dobragens;
  • Ter uma Mapa com uma grelha ou quadrícula adequada e onde se possa anotar a posição da Rota ou Track;

Exitem os seguintes Mapas disponíveis:

  • Michelin 742 (2008) – Escala 1:1 000 000 – É um excelente mapa, dos melhores, mas, é em papel e de tamalho exagerado, com mais de 1.5 mts. É o que se diz um “Big Map”. Tem por norma cidades ou regiões a escala mais detalhada. Com a experiência é possível a “Olho”, calcular distâncias porque 1mm=1Km ou 1cm=10kms.
  • GeoCentre (2006) – Escala 1: 800 000 – Também é um excelente Mapa, com grelha ou quadrícula com latitude e longitude, como o anterior. Tem boas indicações das “green roads”;
  • IGN (2006) – Escala 1: 800 000 – É uma Mapa idêntico ao GeoCentre, mas com um fundo mais escuro. è um Mapa curto e manuseável;
  • Reise Know-How (2007) – Escala 1: 1 000 000 – É o Mapa mais prático e duradouro. O papel é water Prooft. É de dupla face e tem um excelente desenho. Tem grelha ou quadrícula e a escala também é intuitiva. Os RKH, como são conhecidos, suportam mau tempo e podem ser abertos sem danificar no asfalto. É o meu Mapa preferido, tendo colocado no mesmo uma grelha auxiliar, para com o apoio do GPS ir colocando os pontos de passagem. Esta operação é importante em caso de avaria do GPS. É recomendável saber sempre onde estamos no Mapa, é uma norma a seguir, por questão de segurança. Este Mapa pode ser adquirido via Internet nas Lojas da especialidade das quais aconselho a Tienda Verde em Espanha;
  • Freytag e Berndt (2005) – Escala 1: 900 000 – O Mapa F&B comuma escala pouco intuitiva e com pouco ou quase nehum pormenor do Grande Sul. As pistas são vagas e sem a clareza dos restantes;
  • Rough Guide (2009) – Escala 1:1 000 000 – Um excelente Mapa, com qualidade water prooft e com duas faces. É ideal comprar o Guide com o mesmo nome sobre Marrocos. O Mapa tem qualidade superior nas indicações de Pistas e Pontos de Interesse. A Fanc, costuma ter a venda ou então adquirir pela internet na Amazon ou Tienda Verde;
  • Está disponível a Cartografia a escala 1: 250 000 e 1: 100 000 do IGN. Esta Cartografia pode ser vista aqui, na categoria Cartografia. Estão devidamente calibrados para utilização no Oziexplorer ou CompeGps. São Mapas antigos, mas com excelente qualidade, servindo ainda de referência tanto a J. Gandini e a Chris Scott no levantamento de Pistas;
  • Morocco GPS Map By Olaf Kahler, neste momento é um suporte importante para quem utiliza o MapSource como meio de navegação. Este Mapa compreende um enorme trabalho de “campo” de Olaf e dos seus amigos para criar o Mapa que nos orienta e nos conduz com segurança pelas Pistas de Marrocos;
  • Google Maps, é um novo meio de navegar e expedicionar por Marrocos. É ideal para programar rotas, nomeadamente da zona do Grande Sul, em que os Mapas de papel são pouco desenvolvidos. Aconselho a ter algum cuidado a programar as rotas.
  • Google Earth é uma ajuda importante para as Pistas do Grande Sul Marroquino. A qualidade das fotos permite com uma resolução adequada, como por exemplo de 10 milhas quadradas, ter pormenores importantes. Para além disso já tem disponível os percursos de Tracks4Afríca e do Wikiloc. A nova versão do Oziexplorer de 29 de Julho de 2009, já suporta o Google Earth.

Como vêem a escolha é difícil, mas um bom Mapa é importante.

Eu pessoalmente utilizo o Michelin 742 e o Reise Know-How com suporte do Guide du Routard e do Rough Guide. Também utilizo um velho Mapa de Marrocos da General Tyre que adquiri em Chefchouen em 1992. Ainda hoje tem pormenores importantes, incluindo as Pistas do Grande Sul. Torno a realçar a importância de anotar a Rota ou Track sobre o Mapa, principalmente em zonas longínguas e isoladas, porque os GPS’s também avariam e nesse caso isso pode ter consequências trágicas.

PS: É importante levar uma mica com quadrícula adequada a escala do mapa e uma bússola adequada a marcação de pontos GPS, que há a venda nas casas da especialidade nomeadamente da marca SILVA ou Suunto, com a famosa bússola Gps Plotter.

bussola

Ficam as Dicas e as sugestões Land Lousã.

Inté.

Anúncios
Comentários Desativados em MAPAS DE MARROCOS – SUGESTÕES





Os comentários estão fechados.