Land Lousã


OruxMaps: Navegação 4×4 em Android (Parte I – Apresentação e Interface) by joaocarloscardoso
19/01/2011, 15:37
Filed under: CARTOGRAFIA

À semelhança de outros sistemas operativos “não” Windows onde temos já vindo a dar conta do aparecimento de software de navegação, fruto da crescente divulgação de dispositivos do tipo smartphone e, mais recentemente, de tablets, também o sistema operativo Android vê chegar aplicações muito completas, capaz de o tornar funcionalmente competitivo face aos dispostivos móveis equipados com Windows Mobile ou aos dispositivos dedicados Garmin e Magellan.

OruxMaps é uma dessas aplicações. É livre e pode ser descarregada quer a partir do Android Market quer directamente da página do autor, em:

http://www.oruxmaps.com

OruxMaps utiliza imagens em formato digital (tipo raster) como fundo, permitindo a navegação, a visualização e modificação de dados do GPS, a criação de Rotas, pontos de passagem (Waypoints) e trajectos (Tracks), à semelhança do que sucede com o OziExplorer para a “família” MS Windows (ainda fase de desenvolvimento  no Android) e com o Bit Map para iOS.

Tem como funcionalidades mais importantes:

  • Visualização, navegação sobre mapas online (os “suspeitos do costume”: Google Maps, Microsoft Bing, OpenStreet Map,…) e armazenamento dos mapas percorridos em cache local;
  • Criação de mapas offline a partir de mapas online;
  • Suporte de receptores GPS externos Bluetooth;
  • Visualização e navegação sobre mapas offline;
  • Registo automatico e armazenamento dos pontos de localização fornecidos pelo receptor GPS à medida que nos deslocamos, criado o trajecto percorrido (track logging);
  • Carregamento e visualização de rotas e trajectos, a partir dos formatos .gpx e .kml;
  • Moving map, a qual fornece  em tempo real a posição sobre o mapa e procura automaticamente o mapa mais detalhado;
  • Ampliação do mapa;
  • Registoe e edição de waypoints.

 

Dada o elevado número de características que o OruxMaps apresenta, a sua análise será fraccionada em vários artigos. Por agora, ocupemo-nos do interface.

Interface

No arranque, o OruxMaps fornece ao utilizador uma página de inicialização (startup screen), a qual lhe permite:

  • Percorrer e seleccionar um mapa da lista de mapas offline carregados no dispositivo (Browse Maps);
  • Posicionar-se sobre o mapa na localização corrente, activando automaticamente o receptor GPS e o mapa da área (Actual Location);
  • Percorrer e seleccionar um mapa online, o que pressupõe uma conexão à Internet  (Online Maps);
  • Configurar o modo de funcionamento e apresentação da aplicação (Settings).

Se seleccionarmos um mapa online (google Maps, por exemplo), o aspecto do OruxMaps é este:

O topo da aplicação é ocupado por uma barra de botões, os quais permitem ao utilizador realizar as acções mais comuns em navegação, como sejam a selecção e ampliação de  mapas, ligar e alterar o modo de aquisição de dados do receptor GPS, adicionar e editar pontos de passagem (waypoints), percorrer rotas e armazenar trajectos.

Esta barra pode ser configurada e personalizada a partir da área Settings > User Interface.

Logo abaixo da barra são apresentados ícones de estado relacionados com a recepção  de dados por parte  do receptor GPS e actividade de track logging.

O OruxMaps não é fornecido com uma aplicação integrada de monitorização do estado de recepção de satélites. Utiliza antes a aplicação GPS Status (também ela livre e disponível no Android Market).

Na base situa-se uma barra de estado, a qual fornece informações sobre altitude, velocidade e precisão.

Ambas as barras (de botões, no topo,  e de estado, na base) podem ser configuradas de modo a ficarem ocultas, libertando o ecrã para a visualização do mapa, pontos, rotas e trajectos. Tocando no ecrã as mesmas voltam a aparecer.

Vale ainda a pena aceder à secção que pelo nome de “Tweaks”, acessível a partir do menu do Android e que consitui um  atalho para um conjunto de opções  constantes das Definições.

Algumas das mais interessantes são:

  • Personalização do símbolo que marca a localização corrente;
  • Rotação automática do mapa;
  • Activar da opção de procura automatica do mapa que representa a localização corrente;
  • Exibição de bússola, indicando o Norte Verdadeiro;
  • Visualização do ângulo, sob a forma de uma mancha triangular amarela que roda e aponta para a direcção em que nos movemos.

Anúncios
Comentários Desativados em OruxMaps: Navegação 4×4 em Android (Parte I – Apresentação e Interface)





Os comentários estão fechados.