Land Lousã


GUIDES J. GANDINI – ACTUALIZAÇÕES by Parola Gonçalves
30/08/2011, 13:36
Filed under: MARROCOS

Boas.

J. Gandini, disponibilizou um vasto conjunto de actualizações de todos os seus “Guides”, com excepção do Tomo V, que se mantem. São actualizações importantes, nomeadamente no Tomo IV e VI. Grande parte são fruto do progresso de Marrocos “goudronnées”, seja, pistas asfaltadas. Basta clicar para ter acesso directo a actualização.

O Resumo é o seguinte:

  • Maroc, Premieres  Pistes

– Parcours Aa et Ab;
– Parcours Eb;
– Parcours F;
– Parcours G;
– Parcours Hb;
– Parcours Ma;
– Parcours P;
– Parcours Ua;

  • Tome 1, Haut et Moyen Atlas

– Parcours R2;

– Parcous des Villages Troglodyte;

  • Tome 2, Le Sud, du Tafilalet à l’Atlantique

– Noveaux GT4;

  • Tome 3, De l’oued Draa à la Seguiet El Hamra

– Parcours RPD1;

  • Tome 4, L’Oriental

– Nouvelle version du parcours P1;

– Un nouveau parcours au départ de la route d’Iche;

– Site à gravures de Dcheirat;

– Pistes goudronnées; 

  • Tome 6, Sahara Atlantique

– Piste directe Dakhla – Bir Anzarane;

– Huitres à Dakhla;

– Base Géoatlas au bord des falaises;

– Forage thermal de Jreifya, piste intérieure;

  • Campings du Maroc

– Rectifications saisons 2011 – 2012.

Inté.

Fiquem bem.

Anúncios


MAPAS VERSUS CARTOGRAFIA by Parola Gonçalves
30/08/2011, 09:51
Filed under: CARTOGRAFIA

Boas.

A partilha de mapas, cartografia, programas, trajectos e pontos de interesse, é uma das particularidades mais importantes da “globalidade”.

Um dos sítios onde se pode beber essa informação é em El Rincom del Mapa, nomeadamente sobre Espanha, com cartografia de alta qualidade.

Estamos neste momento a criar uma base de dados dos Mosaicos de Espanha a escala 1:25 000, tendo já transformado para ser utilizado no Oziexplorer os Mosaicos de Astúrias, Cantábria e Castilla e Leon.

Fica mais esta importante dica Landlousã.

Inté



IGREIJA DE SANTA ANA EM FIGUIG by Parola Gonçalves
29/08/2011, 14:27
Filed under: MARROCOS

Quando em 2009 na Expedição a Rekkam, Ichet e Figuig, paramos em Figuig ao final da tarde, para reabastecer de comes e bebes, gasóleo e para pernoitar para o dia seguinte,ficamos impressionados com o imenso palmeiral que se estende até a Argélia.

Figuig, sendo uma cidade no extremo mais oriental de Marrocos, tem a particularidade de estar encaixada num dos maiores palmeirais do norte de África e sobre uma das maiores reservas aguíferas de águas de África.

Há, estudos que tentam promover o palmeiral de Figuig a Património da Unesco, existindo diversos estudos para essa pretensão.

Mas, um dos edifícios que nos chamou a atenção foi uma igreija em belo estado de conservação que existia na zona próxima do hotel.

Esta igreija, que a que chamam “Chapelle Sainte-Anne de Figuig”, teve no início do século XX uma forte presença cristã nesta parte de Marrocos mais a oriente.

Hoje a Chapelle Sainte-Anne de Figuig, foi convertida num Centro Cultural.

Mais uma dica Landlousã.

Links.

Web Figuig

Estudos Coloniais

Unesco – Figuig



MOSTEIRO DE NOTRE-DAME D’ATLAS – MIDELT by Parola Gonçalves
28/08/2011, 13:51
Filed under: MARROCOS

N32 40.850 W4 44.433

Midelt, é um ponto de passagem quase que obrigatório para quem ruma ao grande sul, em direcção a Erfoud ou Merzouga. Também é um ponto de partida para o Cirque de Jaffar e o médio atlas em direcção as Garganta do Todra ou de Dadés.

Mas, Midelt também tem desde o ano 2000, um Mosteiro Cisterciense da Estrita Observância (Trapistas). Este Mosteiro, em Midelt, resulta da sua transferência da Argélia após o assassinato de sete frades trapistas no Mosteiro de Tibhirine na Argélia.

Neste momento estão no Mosteiro quatro frades sobreviventes da Argélia.

 Mosteiro

Monges em Marrocos

Le Fígaro

Fica mais esta dica LandLousã.



GARA DE MEDOUAR VERSUS CÁRCERE PORTUGUESA DE RISSANI by Parola Gonçalves
27/08/2011, 10:09
Filed under: MARROCOS

31º 17,919’N 04º 24,038’W

Durante a luta de pacifícação da zona de Tafilalet, que designa “Mar de Palmeiras”, a 27ª Companhia da Legião Estrangeira saíu a 16 de Janeiro de 1931, para uma das mais duras batalhas de “pacificação” do Tafilalet, segundo relatos das lutas pela Independência de Marrocos.

Gara de Medouar ou Kelaa el Mdouara, fica a poucos quilómetros de Rissani a caminho de Mcissi. Com uma localização estratégica soberba, de que sobressai a sua altitude a cota 858 mts é ainda importante a sua forma em “U”, o que permitia que a sua defesa como local estratégico, tornando-a, como que uma fortaleza inacessível.

Hoje, o que resta das ruínas do “Cárcere” e a vista que se obtém a partir do cimo do Monte, permite aos visitantes apreciar uma paisagem até ao limite do que a nossa vista alcança, como as Montanhas do Alto Atlas e o enorme palmeiral que vem do Vale do Ziz até Rissani.

A forma singular deste monte, permitiu que no século XIX, fosse construído um muro com 2.00 mts de largura por 5.00 mts de altura, para armazenamento de água das chuvas que escorriam pela encosta do monte.

Mas, há relatos que a parede foi “construída” para “aprisionar” os escravos que vinham de África para serem vendidos em Portugal, sendo como que um entreposto. Também se diz que os escravos enquanto aguardavam a sua viagem para Portugal eram obrigados a trabalhos de “pedreiros” ou “canteiros” partindo pedra para a construção do muro.

Para além da paisagem. algumas paredes ainda têm embutidos trilobites e e outros fósseis.

Dizem que o local para além de ter algum interesse histórico/turístico, tem servido para a rodagem de filmes, sendo o mais famoso “A Múmia”.

Fica mais está “Dica” LandLousã. e o percurso desde o Auberge du Sud a Cárcere Portuguesa de Rissani.

Link

Rissani



AO MEU “SAvimbi” by Parola Gonçalves
26/08/2011, 13:51
Filed under: OFF-TOPIC

A marcha era intensa e a um ritmo elevado debaixo de um calor entre os 55º e os 57º centígrados. A ideia era ganhar tempo para chegar a Smara, mas sempre com a intenção de a uns 40 kms apanhar uma das Pistas do Gandini que tinhamos no GPS, nomeadamente a RPD1 ou a Rota de Vieuchange.

O vento quente queimava os olhos, obrigando a fechar o vidro lateral, mas nada que nos desmotivasse de chegar a Smara por Pista, conforme era nossa intenção.

A estrada, quase rectilínea e plana nos seus 270 kms, numa paisagem árida e quente, era de vez em quando presenteada com uma área de serviço moderna, mas inoperacional.

De repente, uma nuvem de fumo branco, qual carro de DDT ou Nafta, seguida de um motor em auto-ignição, são o prenúncio que algo de muito grave aconteceu. O SAvimbi, tinha dado o estoiro, o meu companheiro de longas viagens, expedições, passeios e confidente de todas as horas, não aguentou. O desmembramento do interior do turbo em pequenas partículas e a sua passagem para interior dos cilindros, previam já o pior.

E, assim foi, após mais 8000 kms, o motor do SAvimbi rebentou de vez. Não aguentou com os pequenos pedaços das alhetas do turbo estepadas na cabeça do 1º piston, bem como a a 1ª camisa toda riscada e danificada.

O meu Land Rover Defender Td5, vulgo “SAvimbi”, foi um companheiro de muitas aventuras, viagens e expedições e ao longo dos 10 anos, sempre esteve a altura de Todos os  Desafios. Era um excelente confidente, com uma ALMA enorme, nunca negou fogo e estava sempre pronto para todos os Desafios.

Ao Savimbi, presto aqui a minha Grande Homenagem. Foi um grande companheiro. Deu-me muitas felicidades e alegrias.

Inté.

PS: “SAvimbi vem de 6&-3&-SA.

 



LIVROS DE VIAGENS E MAPAS – LIVRARIAS by Parola Gonçalves
21/08/2011, 15:08
Filed under: LANDLOUSÃ

Boas.

Para programação de uma boa viagem ou expedição, nada melhor, que uma consulta cuidada e uma recolha de elementos com várias experiências.

Assim deixamos ficar duas boas sugestões:

Esta lista pode ser acrescentada com mais sugestões.

Inté




%d bloggers like this: